terça-feira, 3 de novembro de 2009

Você responde... 2a parte



Se alguém disser que 'você não consegue ver as linhas do biquini preto de Grace Jones'. Isso é:

a) um(a) comentário/opinião
b) é um fato
c) é discrimação/preconceito

Respondam aí!...

10 comentários:

Ana disse...

Holandesa, depende do contexto: 1) nessa foto eh um fato. Discriminacao seria se um estilista nao quisesse que ela desfile com o tal biquini porque as linhas do biquini nao aparecem.

O que as pessoas tem uma certa dificuldade pra entender eh que brancos como a Nicole Kidman, ao contrarios de negros nao sao vitima de discriminacao historica como eh o caso dos negros e africanos nas Americas. Nas Americas, na Europa, na Asia, na Africa nao existe racismo historico contra os ditos brancos, por isso comparar uma coisa com outra nao funciona. Por isso falar em discriminacao contra loiras e brancas nao faz o menor sentido, ate porque (entre outros) nao tem nenhuma estatistica pra apoiar a existencia desse tipo de discriminacao. Isso dito, eu comento aqui porque tenho carinho e respeito por vc, mas atualmente eu decidi nao me envolver nessas conversas em blogs, por razoes obvias. Beijocas.

Marcela disse...

É um fato também, mas dependendo de como a pessoa fala pode soar como um comentário pejorativo. O que a Ana comentou é verdade, mas eu pessoalmente acho que hoje em dia existe um exagero no que se "pode"e o que não se pode falar. Preto e negro são cores da pele assim como o branco e acho ridículo ter que falar afro alguma coisa. Daqui a pouco vamos ter que dizer "Aquele caucasiano, aquele mameluco". Exagero.

Ana disse...

Negro (e mais precisamente "preto") efetivamente é uma cor e muitas pessoas que tem a pele mais clara ou escura seja no BR ou nos EUA preferem ser chamados de negros (black em inglês). Eu particularmente qdo escrevo prefiro sim usar afro-descendente ou afro-americano ou Afro-Brazilian. Chamar alguém de preto me soa pejorativo, e nao conheço o movimento preto brasileiro, mas movimento negro existe.

Mameluco é um termo que se usava no periodo colonial e nenhuma estatistica ou estudo usa esse termo e nao conheço ninguém que use esse termo na vida real. Um "mameluco" é alguém que tem ancestralidade mixta, c'est tout. Isso dito, o termo "caucasian" existe e é usado em textos oficiais como relatos da policia, e mesmo nas estatisticas.

Hoje em dia, se auto-identificar como uma mulher negra ou homem negro ou primeiro presidente negro nao é pejorativo. Isso dito, apesar de negro ser relativo à cor, eu acho que se vocês chamarem um dito "asiatico" de amarelo (uma cor) seria considerado ofensa. Mas negro pelo visto pode chamar à vontade de negro, por que o negro jah se acostumou a ser chamado assim e nao fica ofendido, pra que se dar o trabalho de chamar afro isso ou afro aquilo, néam ? Beijos.

Adriana disse...

O conceito de pejorativo e discriminação é também pessoal. Veja a Ana, ela acharia discriminação um estilista não colocar um biquini preto numa negra, já eu acho que seria lógico. Se eu lesse numa revista que estilista X colocou um biquini branco na modelo negra e um biquini preto numa modelo branca pra facilitar a visualização das linhas da roupa, eu ía achar lógico e normal, já a Ana poderia achar discriminatório.

Talvez eu esteja sendo simplista, mas eu acho que combater o preconceito vai muito além, e não inclui necessariamente, policiar as palavras que usamos.

Bjs,

Dri

Jo disse...

Obrigada...viu como o tempo passa rápido???Logo será o S. que estará fazendo um aninho!!!! Cada vez fica mais emocionante!!!

Anônimo disse...

Ola' Holandesa! e a todos(as)que comentaram!...Quanto a pesquisa, creio que "e' fato"...tanto quanto a "brancura" da Nicole Kidman e a minha pele cheia de sardas. Fato...e bom dia a voces!

Lelya disse...

Concordo com o que a Adriana falou... Seria apenas logico um estilista não colocar um biquini preto numa negra. Nao vejo onde esta o racismo.
Vamos combinar, a mulher ja e feia, e com essa cor de biquini ficou ainda pior. Simples assim!

Marcia-Rotterdam disse...

Eu só acho que ela passou da idade de usar biquini, afff! Eu nunca vi nada de especial nessa mulher, sempre a achei muito masculinizada.

Anônimo disse...

Concordo plenamente com a Marcela. Ter que falar Afro pra ser politacamente correto é o fim.
Pra mim é apenas um FATO.

Anônimo disse...

Simplismente um fato. Concordo com Marcela, não gosto do termo afro, ou preto ou branco e ponto.